A transmissão do Vírus-do-Mosaico-Dourado pela mosca branca pode atingir 100% das plantas quando infestadas no início do desenvolvimento da planta..

Efeitos de extratos botânicos sobre a oviposição de Bemisia tabaci (Genn.) biótipo B (Hemiptera: Aleyrodidae) em feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.)

Introdução

A mosca branca (Bemisia tabaci), uma das principais pragas do feijoeiro, vem inviabilizando a produção desta cultura em algumas regiões do país, devido às altas infestações, principalmente no plantio do final da estação chuvosa (Quintela, 2001). A transmissão do Vírus-do-Mosaico-Dourado pela mosca branca pode atingir 100% das plantas quando infestadas no início do desenvolvimento da planta. Os principais prejuízos causados por esta doença são a deformação e redução do número e tamanho das vagens e do peso das sementes (Quintela, 2002). As maiores perdas têm sido registradas após o surgimento do biótipo B desta espécie, considerado mais agressivo e virulento que o biótipo identificado anteriormente e mais resistente aos inseticidas químicos.

Para ver esse artigo completo clique aqui.